Dicas para encontrar Passagens Aéreas Baratas

Boeing 787

Comprar passagens aéreas baratas é praticamente uma arte. Há algum tempo deixou de ser um bom negócio enfrentar quase três dias de ônibus para ir de São Paulo à Fortaleza, do Rio de Janeiro à Foz do Iguaçu, de Recife à Brasília, por exemplo. Ir de avião sai mais em conta, já que além de ser uma viagem mais rápida, o turista ainda irá economizar com alimentação durante o trecho e ainda ganhar alguns dias a mais para curtir o destino.

Não é fácil entender e colocar em pratica a lógica da venda de bilhetes aéreos, ela é muito específica, em um mesmo voo e mesma classe, os preços podem variar bastante. Para voos nacionais, por exemplo, até o horário da compra influencia nos valores. Porém, quando chega o dia da viagem, o serviço prestado pela companhia aérea é igual para todo mundo, passageiros que pagaram R$ 69,00 ou R$ 299,00 pelo trecho ou até os que emitiram seu bilhete utilizando milhas, estarão sentados um ao lado do outro.

Por todos esses fatores, conseguir bilhetes mais baratos exige muita pesquisa. Quem tiver as datas mais flexíveis, aceitar fazer conexões e escalas, tiver mais tempo para fazer comparações entre os diversos sites, tiver planejado tudo com boa antecedência, levará a melhor. Aí vão alguns macetes que selecionamos para vocês:

Fique de olho nos dias e horários

As companhias aéreas costumam dar descontos em voos menos solicitados, como os que partem entre os horários das 10h às 16h. Embarques às terças, quartas e sábados também costumam ser mais baratos porque a procura é menor.

O horário de comprar as passagens também faz diferença. Se você fizer uma pesquisa no site das companhias entre meia-noite e 5h encontrará preços melhores do que se realizar uma busca idêntica às 14h.

Compre com antecedência

Os preços das passagens aumentam à medida que a data do voo se aproxima. O ideal é planejar a viagem com três meses de antecedência para conseguir as melhores tarifas. Ter flexibilidade de datas também é importante, às vezes, adiar a volta em um dia sai mais barato do que pagar pelo valor de uma passagem no domingo, por exemplo.

Promoções

Pesquisar é a regra número um para pagar menos nas passagens aéreas. As companhias aéreas têm usado não apenas seus sites, mas principalmente as redes sociais para divulgar promoções “relâmpago”. Vale ficar de olho nelas principalmente aos finais de semana.

Fique atento a promoções que dão desconto apenas em um dos trechos do voo. Dependendo do percurso, vale mais a pena comprar uma passagem normal em outro dia do que as oferecidas em oferta. Leia também todo o regulamento para não ser pego de surpresa, normalmente há um tempo mínimo de permanência no destino e não é possível a troca de voo ou data. As letras miúdas fazem toda a diferença nessas compras.

Use suas milhas com sabedoria

Aproveitar pontos acumulados com compras no cartão de crédito em voos é uma prática relativamente comum entre os brasileiros. Mas ainda assim o desperdício de milhas é alto. Cada programa de fidelidade tem regras próprias e é necessário conhecê-las para fazer um bom negócio. Algumas companhias oferecem um trecho nacional ida e volta por um certo número de milhas – assim voar para Manaus ou para o Rio de Janeiro tem o mesmo valor em pontos. Seguindo esta lógica vale mais a pena usar os pontos para comprar o voo mais caro pretendido. As milhas podem ser usadas em qualquer época do ano, por isso é mais vantajoso usá-las nos períodos de alta temporada, quando as passagens sobem naturalmente de preço.

Acumular milhas também exige planejamento. As companhias aéreas vendem bilhetes de diferentes classes e quanto mais caros, maior a quantidade de pontos oferecidos e a flexibilidade de alterações.

Cadastrar-se em serviços que reúnem pontos de vários prestadores diferentes (de postos de gasolina à banca de revistas) também é interessante.

Pesquise e voe por companhias diferentes

Muitas empresas oferecem voos a custos reduzidos e nem por isso são as mais populares. Se a meta de uma viagem é economizar e conseguir a tarifa mais barata possível, aposte em companhias menores.

Para voos internacionais, algumas estratégias podem ser vantajosas. Por exemplo, a Emirates, a Turkish e a Qatar Airways, tem voos para Buenos Aires com escalas em São Paulo e no Rio de Janeiro. Em alguns casos, estas companhias disponibilizam lugares nestes voos com preços menores, para poder preencher os assentos disponíveis. É preciso pesquisar durante muitos dias para encontrar um preço que valha a pena. Se houver tempo para pesquisar, você pode ter a experiência de voar por companhia de luxo, como a Emirates e a Qatar, por um preço similar a média ou até melhor.

Voos diretos, obviamente são mais rápidos e menos cansativos, porém mais caros. Caso o leitor tenha disponibilidade pesquise preços em companhias aéreas que vão utilizar seus “hub”(Centro de Conexões). Para viagens com destino aos Estados Unidos, por exemplo, a Copa Airlines e a Avianca tem praticado ótimos preços e as conexões normalmente são fáceis e rápidas, por isso podem valer a pena, basta calcular o custo/benefício de cada uma.

Esperamos que este breve conteúdo possa ter ajudado aos nossos leitores. Caso alguma dúvida tenha permanecido ou o leitor deseje fazer uma sugestão ou aprimoramento deste post, envie-nos um e-mail para contato@melhorpassagem.com.br.

O MELHOR PASSAGEM não vende passagens aéreas, somente auxilia seus leitores a fazer a melhor e mais econômica emissão de bilhetes aéreos.

cropped-cooltext1891753140-4.png

 

This entry was posted in E-mails. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *